Oferecer o vale cultura é uma ótima solução para melhorar a eficiência e a motivação dos colaboradores da empresa. O vale cultura demonstra que a empresa se preocupa com o bem estar dos funcionários ao garantir que tenham acesso a exposições de arte, shows, cinema, compra de livros, entre outros benefícios. 

Você sabe que quanto mais motivar os colaboradores, mais produtivos eles serão, não é mesmo? Mas você entende quais são os benefícios do vale cultura?

Neste post, falaremos um pouco mais sobre o assunto. Ficou interessado? Então siga com a leitura! 

O que é vale cultura? 

Cultura e trabalho devem andar lado a lado, pois é fato que pensar no bem estar do colaborador contribui para um bom clima organizacional. 

O vale cultura foi criado pelo Governo Federal, por meio da Lei 12.761, de 27 de dezembro de 2012, pensando exatamente em ampliar o acesso dos trabalhadores aos eventos culturais e entretenimento. 

Como o vale cultura funciona? 

O colaborador recebe um cartão (que se parece com um cartão de crédito ou um vale refeição, por exemplo), e o benefício é cumulativo, ou seja, não há um prazo de validade, o que significa que os colaboradores não precisam utilizá-lo mensalmente. 

Em quais situações o benefício pode ser utilizado? 

O vale cultura pode ser utilizado pelos colaboradores em diversas situações.

O vale cultura é o benefício certo para quem deseja curtir um cinema ou comprar um bom livro. Ele também serve para pagar as entradas do teatro, museus, shows, espetáculos, exposições e circo. Além disso, o colaborador pode adquirir DVDs, CDs, revistas e jornais com o benefício. 

Sabe aquele curso de teatro, música ou fotografia que muitos colaboradores têm vontade de fazer? O vale cultura também serve para pagar esses cursos, contribuindo para a formação de uma geração de valor. 

Quem são os envolvidos no processo? 

As empresas envolvidas no processo do vale cultura são:

Empresas beneficiárias

Elas garantem o benefício aos colaboradores e, por isso, podem ter descontos no imposto de renda.

Empresas recebedoras 

São os cinemas, as casas de espetáculos, as livrarias e outros estabelecimentos ligados ao setor cultural que recebem o benefício como forma de pagamento. 

Operadoras

As operadoras têm autorização do Ministério da Cultura para comercialização e produção dos cartões magnéticos. 

Qual o custo do vale cultura para a empresa? 

O custo do vale cultura para a empresa significa um grande investimento nos colaboradores.

Antes de mais nada, é importante ter em mente que o vale cultura, assim como outros benefícios empresariais, não é uma despesa, mas um grande investimento. Afinal, você oferecerá um reconhecimento ao colaborador e ele ficará ainda mais interessado em trabalhar para a organização, pois se sentirá valorizado. 

Mas, afinal, quanto custa o vale cultura para a empresa? 

Se os colaboradores receberem até 5 salários mínimos, a empresa pode optar entre aportar R$50 ou descontar até 10% desse valor (ou seja, R$5,00) na folha de pagamento do funcionário. Nesse caso, a empresa fica responsável por conceder R$45.

Ainda nesse exemplo, o valor do vale cultura pode variar de R$45 a R$49, dependendo da faixa salarial do colaborador. 

É válido destacar que não há encargos sociais sobre o vale cultura. Ou seja, uma grande vantagem desse benefício é o fato dele ser mais econômico que um aumento salarial de R$50, por exemplo, pois esse aumento pode custar mais de R$80 com a incidência de encargos. 

Quais os benefícios do vale cultura para a empresa? 

Confira, a partir de agora, os benefícios do vale cultura para as organizações:

1. Reduz as taxas de rotatividade

As empresas se preocupam muito com as taxas de rotatividade dos funcionários, principalmente quando falamos dos profissionais mais talentosos. 

O vale cultura ajuda a reter os talentos, pois diferencia a organização dos concorrentes. Além disso, o benefício também gera uma imagem positiva da organização no mercado. 

2. Evita encargos sociais

Até 2017, o vale cultura oferecia a possibilidade de dedução do Imposto sobre a Renda da Pessoa Jurídica. No entanto, apesar de não ter mais essa possibilidade, as organizações que optam pelo benefício continuam a não pagar os encargos sociais sobre ele. 

Como explicado anteriormente, as companhias só arcam com o valor bruto e fazem o desconto proporcional de até 10% do benefício diretamente da folha de pagamento do colaborador.

3.  Melhora a produtividade dos colaboradores 

O vale cultura ajuda a deixar os colaboradores mais produtivos. Afinal, participar de eventos culturais, sair para se distrair e desligar da rotina de trabalho colabora para a saúde física e mental do funcionário. Ou seja, ele tem mais qualidade de vida e, em consequência, produz mais e melhor. 

4. Retém e atrai talentos

Se você deseja reter ou atrair talentos para a organização, o vale cultura poderá ser um diferencial. Afinal, os bons profissionais vão perceber que a empresa se preocupa com os funcionários, e essa geração de valor é indispensável para os colaboradores se sentirem acolhidos no ambiente de trabalho. 

Quais os benefícios do vale cultura para os colaboradores? 

O vale cultura oferece benefícios tanto para os colaboradores quanto para a empresa.

Veja, agora, os benefícios para os funcionários da organização:

1. Facilita o acesso ao conhecimento

A cultura abre um leque de oportunidades para profissionais de diferentes áreas. Quando você vê um filme ou lê um livro sobre um assunto atual da sua área, você adquire conhecimento, não é mesmo? Por isso o vale cultura é tão importante. 

Além disso, ele ajuda a desenvolver a criatividade das pessoas, o que apura seus olhares para diversas situações do dia a dia, contribuindo para que a qualidade do trabalho melhore.

2. Promove o desenvolvimento pessoal 

O vale cultura também promove o desenvolvimento pessoal, pois os colaboradores podem passar a enxergar a vida de outra forma. Dependendo do livro, da música ou até mesmo da peça de teatro, eles poderão tirar boas lições para as suas próprias vidas. 

Você sabe que livros sobre desenvolvimento pessoal, por exemplo, é o que não falta no mercado, não é mesmo? Sem falar em outras manifestações culturais que podem contribuir muito com o profissional. 

3. Melhora as habilidades do colaborador

O vale cultura também pode melhorar a capacidade técnica do colaborador, visto que o conhecimento é o segredo para o crescimento profissional. 

4. Alivia o estresse diário 

Outro grande benefício é o alívio do estresse diário. É fato que muitas organizações têm ambientes estressantes. Quem trabalha em metalúrgicas ou em restaurantes, por exemplo, pode acabar tendo dias bem exaustivos. 

E como você elimina a tensão? Com momentos de lazer, não é mesmo? Portanto, o vale cultura será muito importante para esse tipo de colaborador. 

Como participar do programa? 

Se a sua empresa está regular perante a Receita Federal e o Ministério do Trabalho, você poderá cadastrá-la no vale cultura. Para isso, acesse o site do Ministério da Cultura e realize todo o seu cadastro por lá. 

É importante informar o CNPJ, CPF do responsável pela empresa e endereço comercial. Deixe os contatos e liste o número de colaboradores que serão beneficiados e a faixa salarial. 

Viu como há vários benefícios com o vale cultura? Agora que você já sabe, que tal oferecer para seus colaboradores? 

Além do vale cultura, há outros benefícios muito legais que podem ajudar a motivar os funcionários e reter grandes talentos dentro da organização, como o iFood benefícios, o vale refeição do iFood. Ele é digital, flexível e veio para causar uma verdadeira revolução com a liberdade das experiências iFood.

Gostou? Compartilhe!

Por: Fernanda Rodrigues

Analista de Marketing de Conteúdo com formação em linguística e especialização em comunicação digital. Amante de marketing, negócios e tecnologia.

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.