Provavelmente você já ouviu falar sobre transformação digital nas empresas, no entanto, você sabia que se trata de um conceito amplamente relacionado a área de recursos humanos de uma organização?

Neste momento de pandemia, em que grande parte das atividades precisaram ser adaptadas para o home office, isso ficou ainda mais claro. E  o RH estratégico teve um papel fundamental nesta adaptação. 

Isto porque toda a transformação de processos, pessoas, tecnologias e até mesmo locais de trabalho começam neste setor. Afinal, é ele o responsável por implementar melhorias e otimizações na rotina empresarial.

Nesse sentido, conhecer mais a fundo exemplos de transformação digital ligados ao RH é essencial para que os negócios consigam acompanhar as mudanças do mercado, tornando mais fácil e prático a tomada de decisões e a retenção de talentos— além de ser uma maneira de desenvolver uma vantagem competitiva. 

Então, no texto de hoje vamos abordar os principais conceitos que dizem respeito a tecnologia da informação, digitalização dos processos e como os setores-chave das organizações podem contribuir para uma transformação digital eficiente. Tenha uma boa leitura! 

O que é a transformação digital nas empresas?

Em linhas gerais, a transformação digital nas empresas é o processo de usar tecnologias digitais para criar novos — ou modificar os existentes — processos de negócios, cultura e experiências do cliente para atender aos requisitos de mercado e negócios em constante mudança. 

Assim, a transformação digital nas empresas pode se referir a qualquer coisa, desde a modernização de TI (por exemplo, cloud computing) até a otimização digital e a invenção de novos modelos de negócios digitais. 

Resumidamente, refere-se ao uso de tecnologia digital para criar novos processos, com foco nas pessoas e desenvolvendo um ambiente de trabalho pautado em produtividade e excelência, por meio da capacitação profissional e quaisquer mudanças necessárias. 

Como essa transformação ocorre hoje?

De acordo com a pesquisa realizada pela MIT Sloan Review, a pandemia tornou urgente a transformação digital. Dessa forma, as lideranças se viram forçadas a se adaptar em um cenário novo — e perceberam que a transformação digital nas empresas é uma necessidade. 

Além disso, de acordo com dados divulgados pelo The Economist, a tendência é que o mundo migre plenamente para o mundo digital. Mas, como assim?

Isso quer dizer que processos tradicionais que antes não enxergavam a necessidade de estarem em um cenário digital, agora precisam migrar para o meio virtual — porque é aqui que os consumidores estão. 

Nesse contexto, trabalhar a transformação digital nas empresas se torna uma necessidade competitiva e que proporciona boas mudanças para as empresas, que agora têm a oportunidade de otimizar serviços com mais segurança e agilidade. 

Por isso, atualmente isso se tornou uma tendência e esse fenômeno deve continuar em alta nos próximos anos. 

Entenda os desafios e como a área de RH pode apoiar esses processos

Apesar da transformação digital facilitar muito o dia a dia de uma empresa, ela também precisa de alguém que a guie e complemente para obter um melhor resultado. A área do RH entra como apoio no manuseio e organização da transformação digital nas empresas.

Dessa forma, quando falamos sobre esse tema, não se trata somente de dispositivos, mecanismos e serviços que facilitam o dia a dia, mas sim sobre o contexto na qual é utilizada. 

Então, evidencia-se que esse é um fator chave no que diz respeito à digitalização de documentos e ações, o que pode ser útil em um cenário futuro, completamente transformado pela pandemia de 2020.

Nessa linha, entender os desafios e como a área de RH pode apoiar os processos é essencial para implementar as mudanças de maneira eficiente para todos os setores da empresa e garantir bons resultados a longo prazo. Então, vamos lá?!

Velocidade de aprendizado

A implementação de uma transformação digital não ocorre da noite para o dia. Pelo contrário: é preciso de um processo que se adapte ao contexto da empresa.

Diante disso, para obter uma transformação digital com sucesso dentro de uma empresa é necessário uma grande mudança interna do dia a dia dos funcionários com o auxílio de otimizações em people analytics para operar no sistema fornecido no contexto da necessidade da empresa.

Entretanto, tudo isso vai depender da forma como os colaboradores vão se adaptar às novas funções.

Assim, a área de recursos humanos lida com a organização e administração através de diretrizes claras e eficientes garantindo que chegue aos seus funcionários.

Cultura organizacional

Para que uma transformação digital aconteça dentro de uma empresa, é preciso que ocorra uma mudança cultural na mentalidade dos funcionários. Assim, leva tempo para que os gestores e funcionários se adaptem a essa nova realidade.

A área de recursos humanos ajuda na mudança a partir de treinamentos organizados e eficientes com os colaboradores.

Como exemplo, podemos citar as próprias ações do iFood — que buscou transformar a forma de trabalho após a pandemia, com o objetivo de equilibrar a vida pessoal e profissional dos colaboradores, tornando a marca uma referência em trabalho humanizado e com foco no bem-estar dos colaboradores. 

Para isso, foi desenvolvida uma ferramenta que auxiliará diretamente no desenvolvimento dos funcionários. O iFOS Beta surgiu para atuar em três pilares fundamentais: equilíbrio, desenvolvimento e conexão. 

A intenção é que a gestão possa construir processos mais organizados, eficientes e horizontais com as equipes de cada setor sem deixar de lado a qualidade dos serviços prestados pelos trabalhadores. 

Portanto, esse é um bom exemplo de atividades relacionadas à cultura organizacional que auxiliam na melhoria de processos digitais da empresa, criando um canal facilitador e desenvolvendo uma equipe que esteja pronta para as mudanças do mercado. 

Falta de conhecimento técnico

Para se apropriar da nova tecnologia instalada na empresa, é necessário que os funcionários saibam como manusear de maneira correta e eficiente.

No caso de uma empresa onde no ambiente de trabalho são aplicadas formas mais físicas de tarefas, como arquivos em papéis, os funcionários provavelmente não possuem conhecimento de como usar as novas tecnologias implementadas.

Diante disso, a área de recursos humanos deve oferecer treinamentos, palestras ou cursos que ajudem os funcionários a se adaptarem a essas novas ferramentas por meio do uso de inteligência artificial.

Motivos para uma empresa investir na transformação digital

Até aqui, nós apresentamos o conceito de transformação digital nas empresas e explicamos brevemente sobre o papel do RH nesse processo. 

No entanto, é fundamental entender quais alternativas os setores das organizações podem utilizar para começar a implementar a transformação digital para já.

Então, confira as principais dicas de como investir nessa mudança na sua organização:

  • Automação e flexibilização de tarefas no RH

Por meio de algoritmos criados por cientistas de dados, com a transformação digital nas empresas, não é preciso gastar horas em um processo de uma demanda, eles podem ser conduzidos com pouco envolvimento humano e ter o resultado muito rápido.

Nesse contexto, a transformação digital nas empresas, permitindo executar diversas tarefas de maneira prática e rápida, dá mais liberdade para o gestor do rh focar em outras tarefas, como assuntos estratégicos para sua equipe de colaboradores.

  • Melhoria na gestão de dados

O RH é uma área que lida com um volume muito grande de dados. Assim, a transformação digital pode auxiliar na gestão através da capacidade de salvar dados nos computadores da empresa ou em relatórios impressos e de maneira organizada.

Algo que normalmente seria feito à mão e levaria um dia todo, pode ser realizado em minutos, o que economiza tempo do colaborador e auxilia na rentabilidade de orçamento na organização.

  • Mais eficiência no monitoramento de metas e indicadores

Dificilmente uma plataforma vai entregar metas e indicadores errados para o usuário. Isso seria muito mais provável caso a área do rh elaborasse a demanda toda à mão.

Por isso, a transformação digital se torna extremamente importante na redução de taxa de erros e na otimização de metas e indicadores. Com ela, dados operacionais podem ser facilmente convertidos em métricas e indicadores-chave de desempenho.

Para fechar, um exemplo de como a transformação digital nas empresas otimizaria o monitoramento de métricas e indicadores, é nos pontos de registros de entrada e saída dos funcionários de uma empresa, se tornando possível monitorar o horário e criar novas diretrizes caso esteja tendo algum problema nessa área.

  • Reduz a taxa de erro

Uma vez que existe mais eficiência no monitoramento de metas e indicadores, como previamente introduzido acima, os erros são consequentemente reduzidos

Isso acontece porque, ao realizar análises mais minuciosas e realmente pautadas em dados reais, é menos provável que erros pequenos — e até grandes — passem despercebidos pelos responsáveis pela demanda, culminando em um ambiente de trabalho com melhor produtividade e eficiência nas tarefas. 


De maneira geral, fica claro que as mudanças digitais nas organizações devem começar pelas pessoas. Sendo assim, focar na qualidade de vida dos colaboradores é um passo necessário para que as implementações funcionem.

Gostou? Compartilhe!

Por: iFood Benefícios

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.