Em 2020, vimos diversas relações de trabalho surgirem, inclusive o famoso modelo home office, que demonstrou ter muitas vantagens e desafios. Agora, com o retorno aos escritórios, essa realidade pode ser diferente nas empresas. Isso porque, há uma necessidade de flexibilidade e presença que só o trabalho híbrido consegue oferecer. 

Por isso, esse modelo se tornou uma grande opção para o presente e futuro dos ambientes corporativos. Quer entender um pouco mais sobre o trabalho híbrido e como implementá-lo na sua empresa? Então continue a leitura!

Como funciona o trabalho híbrido?

Com a pandemia da Covid-19, as empresas precisaram se adaptar e o formato home office invadiu as corporações, mostrando suas diversas vantagens. Porém, há também muitos desafios nesse estilo de trabalho que só são solucionados com o contato presencial. Foi por conta disso que surgiu o trabalho híbrido! 

Por enquanto, ainda há dúvidas de como implementá-lo e entender como esse modelo pode se encaixar nas empresas. Isso porque, atualmente, há uma certa rigidez em permitir mesclar o escritório presencial com o trabalho remoto.  

Mas, as previsões para o futuro são de permitir uma maior flexibilização e aderir, enfim, ao trabalho híbrido. Isso é resultado da mudança social e do avanço da tecnologia, que ajudaram a desenvolver diversas ferramentas para melhorar o novo comportamento mercadológico. 

Assim, os benefícios do trabalho híbrido vão ganhando força, mostrando que a flexibilidade é capaz de atender as necessidades dos colaboradores. Com isso, é possível diminuir o tempo de deslocamento para o escritório e melhorar a experiência de trabalho. 

Mas, também há alguns desafios nesse modelo que podem preocupar as empresas na hora de querer implementar o trabalho híbrido na sua cultura organizacional. Algumas dificuldades que podem aparecer são: 

  • solucionar o bem-estar e ergonomia dos colaboradores; 
  • obter uma comunicação integrada com todo o time; 
  • conscientizar o colaborador para os novos formatos de trabalho.  

Por isso, é importante se manter atualizado e buscar mais conhecimento, antes de colocar em prática qualquer mudança que irá afetar o ambiente e a cultura da sua instituição. Se você quer obter melhores resultados com o trabalho híbrido, veja algumas das dicas abaixo e saiba como é possível misturar o melhor dos dois mundos na sua empresa. 

Dicas para preparar sua equipe

Como foi visto, o trabalho híbrido apresenta vantagens incríveis, mas também possui desafios a serem superados. E, ao preparar sua equipe para esse modelo, é importante colocar em prática essas 5 dicas abaixo. 

1 – Liderança é essencial

Antes de tudo, o gestor precisa colocar a liderança em primeiro lugar, pois é ela que irá promover os outros pontos primordiais para a implementação do trabalho híbrido. Orientar os seus colaboradores faz com que se crie as condições ideais para esse estilo de trabalho. 

Por isso, fique atento e acompanhe a produtividade, desempenho e desenvolvimento das equipes, para que assim você saiba o que precisa ser mudado para melhorar os resultados. Além disso, procure promover ações em prol da cultura organizacional a fim de manter o time engajado e motivado. 

Isso pode ser feito através de uma boa comunicação interna e uso de tecnologia. Assim, você conseguirá fazer a gestão dos colaboradores com muito mais controle e atenção, deixando a flexibilidade do trabalho organizada e eficiente. 

2 – Comunicação

A comunicação é essencial para um trabalho híbrido de qualidade entre os colaboradores. E, quando ela precisa ser feita de modo virtual, a atenção deve ser redobrada para não haver nenhum ruído. 

Por isso, é importante escutar e entender as opiniões dos funcionários sobre o assunto. Eles provavelmente possuem vivências, preocupações, padrões e comportamentos diferentes. Isso significa que algo pode ser bom para um e ruim para o outro. 

O gestor precisa saber como equilibrar tudo isso para proporcionar um ambiente de trabalho saudável e produtivo. Isso irá gerar confiança e sentimento de pertencimento para os seus colaboradores, já que se sentirão ouvidos e respeitados.  

3 – Organização 

Outro ponto extremamente importante é a organização, principalmente quando falamos de trabalho híbrido. Para começar, defina com sua equipe quais serão as escalas e datas para os dias presenciais e remotos, além dos dias de reuniões. Isso facilitará a organização mensal e impedirá desentendimentos e o zoom fatigue

Assim, os colaboradores conseguirão planejar suas semanas e programações, como por exemplo consultas médicas e atividades extras. Isso eleva a qualidade profissional e pessoal dos funcionários, resultando em um ambiente mais leve e produtivo. 

4 – Invista em tecnologia

É através da tecnologia que você conseguirá manter o trabalho híbrido em ordem. Isso porque, com ela, é possível integrar as informações do escritório físico com o virtual. Essa etapa é muito necessária para que nenhum dado seja perdido e o trabalho possa ser mantido tanto presencialmente como remotamente. 

Os espaços para reuniões, as anotações e detalhes das demandas, as aprovações e agendamentos dos serviços, além de diversas outras questões do dia a dia no trabalho, precisam ser levadas em consideração. Assim, você consegue realizar a integração, automatização, segurança e flexibilidade que o trabalho híbrido necessita. 

5 – Flexibilidade

A flexibilidade, como foi visto, é uma das principais razões pelas quais as empresas adotam o trabalho híbrido na sua cultura organizacional. Ela é capaz de gerar maior conforto, produtividade e qualidade quando bem aplicada. 

E para ter um ambiente flexível, é importante conceder liberdade aos colaboradores. Ou seja, conversar com eles e entender qual jornada e modelo de trabalho mais agrada a cada um. Por isso, lembre-se de oferecer orientação e apoio para cada um conseguir se adaptar às mudanças e, assim, melhorar as relações profissionais. 

Com o trabalho híbrido, você integra o conforto do home office com a agilidade do presencial, unindo as melhores vantagens desses modelos de trabalho. Mas pense também nos benefícios que devem atender as demandas deles, como por exemplo o vale-alimentação. 

Uma boa saída é utilizar o benefício do iFood! Com ele, seu colaborador consegue se alimentar tanto em restaurantes presenciais como solicitar sua comida por delivery. Essa é a melhor maneira de flexibilizar esse direito ao incluir o trabalho híbrido na sua empresa. Quer saber mais sobre o vale-alimentação do iFood? Então clique aqui

Gostou? Compartilhe!

Por: Flávia Padilha

Psicóloga e especializada no Canadá em mercado e negócios, Flávia atuou por 8 anos na área de RH em treinamento e desenvolvimento de empresas. Na equipe iFood, trabalha com suporte psicoterapêutico, treinamentos, palestras sobre saúde mental e emocional e orientações de gestão. Acredita que bem-estar e saúde emocional são um dos alicerces do ser humano para alavancar suas histórias de sucesso, tem o desejo de sempre ajudar os colaboradores a encontrar seus potenciais e o equilíbrio. Flávia é mãe e, nas horas vagas, dançarina, amante de exercícios ao ar livre e boa ouvinte de histórias e pessoas.

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.