Ganhar um bom salário em uma empresa é algo que chama a atenção de um profissional para se candidatar a uma vaga de emprego, mas não é o único ponto. A saúde mental no trabalho também tem sido um ponto influente na hora da escolha da vaga.

Podemos citar a flexibilidade de horário e outros benefícios relacionados ao bem-estar dos colaboradores que as empresas têm trabalhado para oferecer aos seus funcionários, aumentando o engajamento, a produtividade e retenção dos talentos a longo prazo.

Por que a saúde mental no ambiente de trabalho é importante?  

Considerando que passamos mais tempo imersos nas atividades laborais do que com outras questões pessoais, não é possível ter o mesmo grau de produtividade enquanto existem conflitos que afetam a saúde mental no trabalho.

O que seriam esses conflitos? Instabilidade no emprego, frustrações na entrega dos resultados, desempenho que não foi reconhecido pela empresa e outras aflições sentidas no dia a dia podem causar uma insatisfação profunda nos colaboradores, prejudicando a saúde mental e qualidade de vida no trabalho

É importante que o ambiente profissional também seja um lugar seguro e que dê abertura para os colaboradores falarem o que sentem, assim como líderes e gestores devem estar atentos aos sinais expressos pelos indivíduos de que algo não vai bem, ficando de olho em:

  • sintomas físicos: dores musculares, enxaqueca, queda de cabelo, insônia, baixa imunidade, desconfortos gastrointestinais, alergias e etc;
  • sintomas psicológicos: ansiedade, angústia, tontura, nervosismo, apatia, preocupação excessiva, irritação, impaciência, baixa concentração, falta de memória e etc.

Todos esses sintomas podem afetar primeiro a parte psicológica, para depois se manifestar no corpo dos indivíduos, dependendo da complexidade de cada pessoa e de suas vivências pessoais, deixando-os menos produtivos. 

O ideal é que a equipe gestora de RH observe como está a saúde mental no trabalho de cada colaborador, criando meios para motivá-los, dando abertura para que falem o que estão sentindo e o que pode ser feito para melhorar o dia a dia – falaremos sobre isso no próximo tópico.  

Como a empresa pode ajudar a manter um ambiente saudável de trabalho? 

O bem-estar dos colaboradores é algo que está diretamente ligado à produtividade e desempenho no trabalho. 

Quando algo não vai bem na parte psicológica, seja por estresse excessivo, pressões do dia a dia ou conflitos não-resolvidos, a tendência é que o corpo não consiga ter o mesmo nível de energia, dificultando o aprendizado e execução das tarefas na empresa.

Aqui entra também a busca pelo autoconhecimento, que é quando o próprio colaborador conhece o seu corpo e entende que existem picos de energia que todos nós passamos durante o dia e que é preciso respeitar esse fluxo, deixando para fazer mais atividades nos picos de produtividade e concluir tarefas mais tranquilas na “baixa energia”.

Existem meios de cuidar da saúde mental no trabalho e que podem ser aplicados em qualquer organização: 

  • criar um ambiente profissional adequado: chegar em um local de trabalho e encontrar tudo organizado, com elementos visuais e sensitivos que estimulem a produção e o bem-estar (criar áreas de conveniência), não tem preço;  
  • pensar na ergonomia: a ginástica laboral é algo que melhora a saúde física dos colaboradores, por meio do alongamento do corpo e do relaxamento da mente, e pode ser promovida no ambiente de trabalho. 

Além disso, é preciso pensar nos objetos de trabalho utilizados,tais como, cadeiras, mesas, teclados e etc, que devem ser confortáveis e estar na altura correta. 

  • atividades físicas funcionais: dar uma pausa no expediente e aproveitar uma aula de yoga, tênis de mesa ou atividades leves, pode ser uma boa pedida para empresas que possuem um grande número de colaboradores; 
  • horários flexíveis: a maioria das pessoas exercem uma jornada dupla ou tripla no dia a dia. Depois do trabalho, muitos ainda fazem faculdade ou pós-graduação, estudam com os filhos, dão conta da casa e etc. Poder contar com a empresa na flexibilidade de horários para equilibrar todas as atividades diárias é aliviador;
  • cuidar bem da cultura organizacional: preservar os valores da empresa, cuidando para que os colaboradores pratiquem-nos no dia a dia é uma forma de promover a inclusão e o bem estar de todos; 
  • celebrar conquistas e datas comemorativas: promover celebrações quando as metas da equipe e as individuais forem alcançadas, comemorar aniversários e datas que sejam importantes para toda a empresa, são meios de valorizar as pessoas.

Prioridades dos profissionais mudaram por causa da pandemia? 

A pandemia do coronavírus afetou todas as camadas da sociedade, causando profundas transformações físicas e psicológicas nas pessoas, impactando também a saúde mental no trabalho, devido às incertezas sobre o futuro. 

Um dos pontos que podemos perceber, é a busca das pessoas por empregos mais estáveis e que proporcionem benefícios melhores, como aponta uma pesquisa feita pela Censuswide e Indeed – empresas especializadas em pesquisa de mercado e dados estratégicos – com mais de mil funcionários e 250 empresas, descobriram que:

  • 15% dos entrevistados preferem ter um ambiente de trabalho seguro e que permita o isolamento social; 
  • 64% disseram que o salário é um item decisivo para aceitarem o trabalho; 
  • 48% preferem a estabilidade no emprego;   
  • 41% preferem um pacote de benefícios.

As empresas passam então a reorganizar o ambiente de trabalho, trazendo mais benefícios aos funcionários e assim buscando formas de reter os talentos. 

O que o empregado busca?

A partir dos dados dessa pesquisa, podemos observar que os colaboradores estão em busca de estabilidade, benefícios flexíveis, um ambiente laboral que seja favorável ao crescimento pessoal e profissional, gerando mais saúde mental no trabalho

Falando sobre benefícios flexíveis, eles podem ser o diferencial de uma empresa que valoriza o funcionário. Oferecer vale-refeição, vale-alimentação, plano de saúde, seguros de vida, descontos em cinemas e etc, são meios que as empresas usam para atrair os talentos e fazê-los ficar. 
No caso do vale-refeição e alimentação podemos destacar o iFood, que tem criado soluções para que as empresas valorizem o colaborador por meio desses benefícios. Clique aqui para saber como a sua organização pode ter inúmeras vantagens ao optar pelos produtos do iFood empresas.

Gostou? Compartilhe!

Por: iFood Benefícios

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.