Você já ouviu falar em employer branding? Branding é a imagem que a sua empresa tem perante os consumidores e employer vem do termo “empregador”. 

Portanto, employer branding nada mais é que a imagem que os seus colaboradores, os demais profissionais do mercado de trabalho e a sociedade têm da sua empresa, como empregadora e da cultura organizacional que ela aplica.

Uma boa gestão do seu employer branding é fundamental para manter um ambiente organizacional saudável e promover o engajamento, além de atrair e reter talentos, o que reflete em mais competitividade de mercado e melhores resultados para a sua empresa.

Neste artigo, vamos explorar essa estratégia e as vantagens que ela traz para a sua companhia. Leia o artigo até o final para saber os principais benefícios desta estratégia e como implantá-la em sua empresa. Vamos lá? Boa leitura!

O que é employer branding?

Passar uma boa imagem de sua marca para o público é essencial. 

No employer branding, a estratégia de construção e manutenção de uma marca por parte de uma empresa é aplicada internamente. 

Ou seja, você vai construir a imagem e a reputação da sua empresa em relação a seus colaboradores, ao mercado profissional e à sociedade como um todo.

Uma boa reputação em employer branding resulta em maior engajamento por parte da sua equipe e potencializa a percepção de marca da sua empresa como um todo, o que gera maior credibilidade no mercado e aumento dos lucros.

Isso porque uma empresa que respeita e valoriza os seus colaboradores desperta maior atenção e carinho dos consumidores e clientes no momento da compra de um produto ou serviço. 

Ter os seus colaboradores verdadeiramente ao lado da sua empresa pode ser um grande diferencial para o seu negócio.  

Por que é importante?

O employer branding traz benefícios tangíveis e intangíveis à sua empresa. Promover a saúde mental, a qualidade de vida e o bom ambiente de trabalho de seus colaboradores, por exemplo, tornam as relações da sua empresa mais humanas. Isso é algo que não pode ser medido, é intangível.

Porém, alguns benefícios práticos desta humanização são bastante tangíveis, e por isso podem ser medidos, como o aumento da produtividade, a redução da rotatividade e das faltas de seus colaboradores, o maior engajamento e trabalho em equipe e o aumento da capacidade de atrair os maiores talentos do mercado.

Principais benefícios

Agora que você já entende melhor o que é employer branding, é hora de ver com mais profundidade como este conceito pode ajudar você a construir uma marca sólida e respeitada no mercado.

Dentre as muitas vantagens trazidas pela aplicação do employer branding estão:

  • Atração de novos talentos – devido à boa imagem da sua empresa como empregadora;
  • Permite a construção de um banco de talentos – que pode ser útil em situações emergenciais;
  • Redução de custos – principalmente os ligados a recrutamento e seleção;
  • Retenção de seus colaboradores – devido ao prazer em trabalhar na sua empresa;
  • Divulgação da sua empresa – por parte dos funcionários, de maneira gratuita;
  • Aumento dos resultados – devido ao maior engajamento e trabalho em equipe.

Percebeu como o employer branding pode trazer muitos benefícios para o seu negócio?

Agora, vamos ver como este conceito pode influir diretamente na qualidade do ambiente da sua empresa e o que isso traz de bom para a companhia como um todo.

Employer branding e bem-estar

Se sua empresa passa por dificuldades de produção, a causa pode estar no ambiente de trabalho.

Casos de estresse e síndrome de burnout estão cada vez mais frequentes no meio corporativo. E as causas muitas vezes são a sobrecarga de trabalho, ambiente pouco agradável e funcional, gestão e processos pouco eficientes e abuso do poder por parte dos gerentes.

Como resultado, pode haver queda na produtividade, aumento das faltas e rotatividade de seus colaboradores, pois trabalhar em uma empresa com essas características acaba sendo desagradável.

Neste sentido, uma boa gestão do employer branding pode trazer diversos benefícios para o bem-estar, como:

  • ambientes de trabalho positivos;
  • atração de novos talentos.
  • maior produtividade;
  • maior satisfação e engajamento;
  • menor absenteísmo;
  • menor rotatividade;
  • níveis reduzidos de estresse;
  • retenção maior de colaboradores.

Como você pôde ver, mais que um mero agrado a seus colaboradores, a manutenção do bem-estar no ambiente da sua empresa é fundamental para o seu sucesso. 

Employer branding e retenção de talentos

Outro ponto que merece atenção especial é a retenção de talentos. Ela cuida do papel estratégico com ações para deixar todos colaboradores mais desenvolvidos, para um bom crescimento na empresa.

A relação profissional humanizada, da qual tratamos acima, tem papel fundamental na atração e na retenção de talentos para a sua empresa. Já que o employer branding age diretamente na satisfação do colaborador no cotidiano de trabalho.

Mais do que um bom salário e bons benefícios, os grandes talentos do mercado profissional desejam ter uma experiência única ao trabalhar, traduzindo-se o conceito de employee experience.

Isso acontece porque a geração dos millenials está se tornando a maior força de trabalho no mercado. De acordo com pesquisa realizada pelo Pew Research Center, os millennials ultrapassaram a geração X e se tornaram a maioria da força de trabalho dos Estados Unidos já no ano de 2015.

Em outra pesquisa realizada pela Bayt.com, 75,6% das pessoas afirmaram que fazem pesquisas online sobre uma empresa antes de considerar uma oferta de trabalho. Mostrando que o employer branding é uma estratégia importante na atração e retenção de talentos do mercado.

Como implementar o employer branding na sua empresa?

Fique atento às práticas que promovem um bom employer branding.

Como vimos, o employer branding é formado por ações que promovem um ambiente de trabalho agradável e comunicam esta realidade aos próprios colaboradores e à sociedade em geral. Para construir este ambiente sustentável dentro da sua empresa, é preciso estar atento a alguns pontos:

Planejamento

Como em todo projeto, o planejamento é indispensável para o sucesso da sua estratégia. Nesta etapa é importante pensar nos objetivos do seu employer branding:

  • reduzir a rotatividade;
  • aumentar o engajamento;
  • aproximar-se dos colaboradores;
  • dentre outros listados anteriormente no artigo.

Após esta fase, você deve partir para o plano de ações que serão realizadas para atingir estes objetivos. 

Apoio coletivo

É fundamental que todos da empresa estejam alinhados no mesmo objetivo, dispostos a contribuir com a sua parte para o sucesso do projeto. Para isso, a participação do setor de RH da sua empresa é indispensável.

Nesta empreitada, o RH tem um papel fundamental, sendo participativo, envolvendo as lideranças e os colaboradores e realizando a comunicação entre todos os setores da empresa, para que todos sintam-se valorizados neste processo.

A opinião de todos é muito importante na empresa! Com união em busca do mesmo objetivo e com um bom alinhamento estratégico é mais fácil resolver os imprevistos que aparecerão pelo meio do processo.

Experiências

Assim como a experiência de compra tem sido muito utilizada para conquistar e fidelizar clientes, este conceito também está por trás de toda a sustentação do employer branding.

As experiências que os seus colaboradores vivem em seu ambiente de trabalho definirão a imagem e a reputação de sua empresa perante eles. Portanto, é importante focar na construção de boas e significativas experiências dentro da sua empresa.

O que fazer para implantar a gestão de employer brand

Agora você vai entender como fazer do employer branding uma ação contínua na sua empresa. Adote as sugestões a seguir que se adaptam melhor à cultura da sua empresa para criar um ambiente mais agradável, engajado e produtivo:

Defina a sua mensagem

A primeira etapa do employer branding é definir qual será seu tom de voz, pois ele precisa estar relacionado ao perfil da sua empresa. O discurso da sua empresa precisa estar alinhado à sua cultura e personalidade

Além disso, sua mensagem precisa gerar identificação junto a seus colaboradores, que devem se ver representados nela e “vestirem a camisa do time”.

Isso ajuda a definir os alicerces da sua organização, que passam a ser observados muito mais nas práticas do dia a dia do que em palavras no site da empresa. Ou seja, é necessário transformar o discurso em atos, para que a sua empresa obtenha credibilidade no mercado.

Crie a sua própria cultura

A mensagem é importante, mas a cultura interna da empresa tem grande influência na percepção criada pelo employer branding. É através da cultura interna da empresa que serão geradas experiências significativas para os colaboradores.

Exemplo disso é o fato de que oferecer videogames, sofás e decoração com cores quentes e vibrantes combina mais com o perfil de uma empresa como o Google do que com um escritório de contabilidade. 

É a rotina de uma empresa que determina a cultura de sua corporação, com todos os comportamentos e hábitos do dia a dia dos colaboradores. A cultura da sua empresa impacta diretamente a visão dos colaboradores e da sociedade em geral em relação a ela.

Comunique sua marca no dia a dia

É muito importante gerar a noção de que a empresa acredita e realmente segue tudo aquilo que diz em seus valores institucionais, sua mensagem e sua cultura. 

Além disso, você precisa comunicar isso aos seus colaboradores, mostrando que tais qualidades devem ser espelhadas no dia a dia, seja para lidar com um companheiro de trabalho, clientes ou com o público externo.

Consiga “advogados” para a sua marca

Uma cultura empresarial bem desenvolvida e consolidada significa que, com o tempo, seus colaboradores passarão a divulgar sua empresa como um bom lugar para trabalhar e fazer negócios.

Uma vez que a empresa se preocupa verdadeiramente com seu quadro de colaboradores, os resultados esperados são sempre:

  • mais dedicação ao trabalho;
  • mais disposição para se qualificar;
  • menor rotatividade;
  • menos faltas;
  • menos problemas em relação à saúde do trabalho;
  • defesa da empresa por parte dos colaboradores perante a sociedade.

Desta forma, é sempre um bom investimento apostar na qualidade de vida de seus colaboradores.

Utilize a tecnologia de maneira estratégica

A tecnologia consegue facilitar o trabalho cotidiano de seus colabores, otimizando processos e gerando resultados. A junção dos sistemas e ferramentas tecnológicos resultam em muitas possibilidades estratégicas

A tecnologia supre as necessidades dos colaboradores de uma empresa, portanto, crie uma rotina integradora, prática e eficiente,. Isso certamente ajudará na promoção do seu employer branding e melhorará as estratégias das equipes.

Considere candidatos como consumidores

Tem uma vaga aberta na sua empresa? Esta é uma grande oportunidade de começar a criar experiências significativas para os candidatos desde a seleção. Apresentar a cultura da empresa fará com que o candidato sinta-se em um lugar especial.

A satisfação de estar em uma empresa que cuida de seus colaboradores é bastante comentada com outras pessoas. Assim, um simples candidato a uma vaga na sua empresa pode se tornar um “advogado” da sua marca desde o primeiro dia.

Abuse das histórias e narrativas

Histórias envolvem as pessoas, geram empatia, vínculos, identificação e projeção. Tudo isso é muito importante para que o employer branding seja grande diferencial da sua empresa.

Explore narrativas para contar a história da sua empresa e envolver os colaboradores através de vídeos, treinamentos, eventos, etc. Esta estratégia pode ser usada para integrar a equipe, discutir metas e divulgar resultados.

Estimule a comunicação interna da sua empresa

Com canais de comunicação internos abertos, os colaboradores podem compartilhar informações importantes para a estratégia da empresa e propor ideias, fazer sugestões, realizar críticas construtivas etc

Quando o RH da sua empresa se mostra solícito ao ouvir seus colaboradores, cria-se um ambiente saudável de debates, garantindo um bom desenvolvimento das equipes e aumentando a cooperação para garantir o bom desenvolvimento da empresa.

Tenha um plano de carreira

Finalmente, uma excelente maneira de colocar em prática seu employer branding é ter um plano de carreira consolidado e efetivo na empresa, para reconhecer talentos e oferecer desafios.

O resultado com o tempo é o desenvolvimento do sentimento de dono”, pelo qual o colaborador se sente responsável pela empresa, agindo sempre em favor dela e seus interesses.

E dentre as opções para melhorar a qualidade de vida de seus colaboradores e fortalecer seu employer branding está o iFood Refeição, uma verdadeira revolução nos benefícios corporativos.

O iFood Refeição é um Vale Refeição digital e flexível  que oferece melhor qualidade de vida aos seus colaboradores com uma gestão inteligente digital, pagamentos 100% online, sem taxas e a custo zero! Sua empresa terá uma imagem melhor de seus consumidores e enriquecerá seu employer branding!

Viu como o employer branding pode ser uma excelente estratégia para a sua empresa? Agora fique por dentro de outras novidades e ideias para seu negócio acessando o blog iFood Empresas!

Gostou? Compartilhe!

Por: Fernanda Capella

Coordenadora de Marketing de Conteúdo, copywriter, especialista em conteúdo de performance e comunicação. Amante de tecnologia, negócios, café e gastronomia.

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.